<< Anteiror Início Próximo >>

GRAHAM GREENE
(1904-1991)


Henry Graham Greene nasceu em Berkhamsted, Inglaterra, em 2 de outubro de 1904. Seu pai era diretor da Berkhamsted School, que Greene freqüentou por alguns anos. Expulso da escola, foi enviado a Londres e confiado a um psicanalista, em cuja casa viveu enquanto se submetia a tratamento. Após

estudar em Oxford, converteu-se ao catolicismo. De 1926 a 1930, trabalhou em Londres no jornal The Times. Suas maiores obras são romances e na maior parte de seus livros, Graham Greene conseguiu combinar enredos movimentados e cheios de suspense com preocupações religiosas, sociais e humanistas, o que fez dele um dos mais apreciados autores do século XX, sendo muitos dos seus romances, adaptados para o Teatro e para o cinema, como "O expresso do Oriente" (Stamboul Train) escrita em 1932. Sua obra literária o colocou entre os maiores escritores americano do século e sua participação no cenário teatral americano o projetou internacionalmente.
Graham Greene morreu em Vevey, Suíça, em 3 de abril de 1991

Dele o Teatro de Amadores de Pernambuco encenou "O living-room", numa tradução de Helena Pessoa, com direção de Hermilo Borba Filho, cuja estréia se deu no dia 16 de maio de 1959, no Teatro de Santa Isabel.